Blog

INSS: conheça novo prazo e condições de empréstimo consignado

A partir das próximas semanas, os aposentados e pensionistas do INSS que desejarem solicitar um empréstimo consignado terão maior facilidade. Na tentativa de conter a atual crise econômica, o governo federal alterou as regras de solicitação do serviço, tornando-o mais rendável para os interessados. Além de aumentar o prazo de pagamento, a medida altera também o valor do empréstimo. Agora, quem solicitar o crédito terá até setes anos para poder quitar a dívida. As mudanças não param por aí, no que diz respeito as taxas de juros elas também se tornarão mais atrativas, deixando de ser de 2,08% para 1,80% ao mês. Quem optar pela operação por meio do cartão de crédito, terá uma cobrança de 2,70%

Liberte-se das dívidas entre 6 e 12 meses

Sim, isso é possível. Para isso desenvolvi uma estratégia radical, e sem a necessidade de ação judicial (cuidado com assessorias que vendem milagres, hem!). Mas para isso precisamos conhecer nosso adversário, entender bem as regras do jogo, para colocá-las em prática, fugindo das armadilhas criadas pelo sistema. A propósito, nosso sistema financeiro foi criado para que você chegue exatamente ao ponto em que está hoje, endividado. Primeiro Passo: Jamais procure o gerente do banco. Ele não é seu amigo, tampouco seu consultor financeiro, e nunca irá te ajudar. Entenda uma coisa de uma vez por todas: ele está lá representando o banco, é obrigado a vender produtos bancários que darão lucro ao ba

Câmara aprova projeto que suspende inscrição em cadastro negativo como SPC

Objetivo da medida, que pode valer por três meses, é garantir acesso a crédito pelos atingidos pela pandemia; texto vai para análise do Senado. objetivo da suspensão é garantir acesso ao crédito pelos atingidos pela pandemia, segundo o deputado Julian Lemos (PSL-PB). A proposta aprovada determina que o Poder Executivo deverá realizar a regulamentação e a fiscalização necessárias, sem prejuízo da aplicação de sanções previstas no Código de Defesa do Consumidor. Se houver cobrança de multa por descumprimento da norma, o dinheiro deverá ser aplicado em medidas de combate à Covid-19. Fomos procurado por pessoas e empresas atingidas pelas dificuldades causadas pela pandemia, que vai desde a dimi

Magistrada suspende penhora online por crise do coronavírus

A juíza Juliana Leal de Melo da 38ª vara Cível do TJ/RJ, indeferiu, de ofício, pedido de penhora on-line, em virtude da “pandemia do coronavírus reconhecida pela OMS e a possibilidade de decretação de estado de emergência e crise econômica em nosso país”. Esse caso é extremamente confuso em sede de primeiro grau, foi reconhecida fraude a execução e foram bloqueados valores na conta bancária dos réus. O valor de R$ 1 milhão de realmente pode gerar esse tipo de confusão. Ao solicitar a penhora online, os autores de depararam com o indeferimento. No caso, o pleito era baseado em acórdão de 2ª instância que havia reconhecido a existência de fraude à execução e considerado “evidente o risco pa

A SITUAÇÃO QUE CHEGAREMOS É AO SUPERENDIVIDAMENTO, POIS ENDIVIDADO TODOS ESTÃO.

A medida econômica não inclui dívidas no cartão de crédito e cheque especial, nem boletos de consumo geral, como água, gás, luz e telefone. A prorrogação vale para pessoas físicas e micro e pequenas empresas com contratos de crédito em andamento, pagos em dia e limitados aos valores já utilizados. A medida deveria envolver também cheque especial e cartão de crédito. O Endividamento da população é clara, já têm um histórico de endividamento, sobretudo a população de baixa renda. Por essa visão, a medida acaba tendo um carácter insuficiente. Com os Bancos se posicionando para renegociação, o governo ampliou a folga de capital do sistema financeiro nacional em 56 bilhões de reais, permitindo

JUROS MAIS ALTOS

A Advogada e Administradora Judicial Fabianie Mattos Limoeiro, analisando o setor de comércio e serviços (mais de 5 milhões de negócios no país – fonte CDL) enviaram no último dia 30 uma carta ao Banco Central reclamando do aumento de juros do crédito para as empresas. “Solicitamos atenção a despeito das medidas de injetar liquidez no sistema financeiro nacional, pois observa-se o aumento expressivo das taxas, com médias superiores a 50% e, alguns casos superiores a 70%, em operações habituais do varejo, tais como de capital de giro, conta garantida, antecipação de recebíveis, risco sacado, empréstimos 4131, entre outras operações”, diz a carta aberta. Em nota, a Federação Brasileira de Banc

PREJUÍZOS NO SETOR DE TRANSPORTES

É de conhecimento geral – ou pelo menos deveria ser – que a ameaça da doença COVID-19, transmitida pelo famoso Coronavírus está cada vez maior. A OMS (Organização Mundial da Saúde) declarou estado de pandemia na última quarta-feira (11/03/2020), ou seja, o vírus está sendo amplamente disseminado e a situação de risco aumentou. Os primeiros casos começaram na Ásia e, em pouco tempo, o vírus se espalhou para quase todos os países e está presente em todos os continentes. O surto epidêmico que saiu de Wuhan, na China, não impactou somente a área da saúde, mas acometeu a economia e o mercado global. Todos os setores foram abalados pela doença e as consequências ainda estão surgindo. Os prejuízos

Covid-19: saiba regras para pedir revisão do plano de recuperação judicial

As empresas que estão em processo de recuperação judicial poderão solicitar revisão do plano se comprovarem impactos diretos da pandemia da covid-19 nos negócios. No entanto, especialistas afirmam que empresários precisam seguir todos os passos para se enquadrar nessa nova orientação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Sem poder de lei, o ato normativo anunciado pelo CNJ, visa auxiliar juízes de primeira instância em casos de empresas que não estão conseguindo cumprir o plano de recuperação judicial por causa do novo coronavírus. A primeira regra para pleitear o chamado “plano modificativo” é estar em dia com as obrigações junto a credores. Especialistas também recomendam a comprovação

Em relação as comentadas práticas de prorrogação de dívidas bancárias, indaga-se: como isso está oco

Sobre os Bancos, Advogada Especialista em Direito Bancário Fabianie Mattos Limoeiro, tem de ser observado os s financiamentos terão prazos e carências estendidos e taxas de juros reduzidas. Para a contratação, serão estabelecidas parcerias com Sebrae, cooperativas de crédito, fintechs e entidades de classe, as Empresas devem atentarem se realmente o juro, o forma de cálculo e valor final, vai ser melhor ou se buscar a ajuda de especialista em direito Bancário. MUITA ATENÇÃO SE FALA EM PRORROGAÇÃO E CARÊCIA, MAS NENHUM BANCO INFORMA QUAL A TAXA DO JUROS! Assim vejamos: O Santander informou, nesta sexta-feira (3) que os clientes com parcelas de dívidas vencidas e não pagas desde o último dia 1

Empresas reclamam de dificuldades para prorrogar dívidas

Empresas e pessoas físicas têm enfrentado dificuldades para ter acesso à pausa de 60 dias no pagamento de parcelas de crédito, anunciada pelos cinco maiores bancos do país. Empresas também reclamam de juros mais caros em novas operações de crédito. No mês passado, Caixa, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú e Santander anunciaram a prorrogação por até 60 dias dos vencimentos de dívidas para clientes pessoas físicas e micro e pequenas. De acordo com o Banco Central (BC), estima-se que aproximadamente R$ 3,2 trilhões de créditos possam se beneficiar dessa medida. Na época, o BC disse que a “renegociação dependerá, naturalmente, do interesse e da conveniência das partes envolvidas.” Hoje estamos ent

MP 936: Tudo que você precisa saber sobre a redução de salários e suspensão de contratos

No dia 1º de abril, foi publicada a Medida Provisória nº 936 (MP 936), que instituiu o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (Programa), que tem como objetivos a preservação dos postos de trabalho, a garantia da continuidade das empresas e a redução do impacto social decorrente da crise instalada pela pandemia do coronavírus. Entenda Ponto a Ponto o que muda na MP 936/2020: Redução de salários Com a MP, o empregador poderá reduzir os salários dos funcionários desde que seja de forma proporcional à jornada de trabalho. Ficam permitidos cortes de 25%, 50% ou 70%, por até noventa dias. É importante ressaltar que o valor do salário-hora de trabalho do funcionário deve ser mant

Como declarar reforma de imóvel no Imposto de Renda

Se você reformou o seu imóvel no ano passado poderá informar o gasto no Imposto de Renda 2020 para pagar menos imposto no futuro. Benfeitorias feitas na casa ou apartamento são uma das poucas formas de atualizar o valor do imóvel na declaração, já que a Receita não permite que o preço de aquisição da unidade seja modificado pelo valor de mercado ou reajustado por índices de inflação ao longo dos anos. Como não é possível atualizar o valor pago pelo imóvel, a diferença entre o preço de compra e venda do bem pode ser significativa, pois um eventual lucro obtido com a venda do imóvel fica maior e, consequentemente, o imposto incidente sobre este valor, de 15%, fica mais pesado. Portanto, ao adi

Que tal ler nossos  E-books Gratuitos?

Abaixo estão nossos conteúdos recentes.
  • YouTube
  • Facebook
Precisa de mais informações?

Estamos aqui para ajudá-lo. Entre em contato por telefone, email ou redes sociais.

(65) 9 9919-1250

(65) 3028-4153 /

Rua Tenente João Batista Leite Silva | Nº 129 | Bairro Araés

Cuiabá - MT - CEP: 78.005 - 590

© 2018 ML - Todos os Direitos Reservados

      Filiais

GO / PA / PR / SP / DF